Skimboard em Ondas | Wave Skimboarding – OndaSkim

Uma história de Superação – Zach Platt

Para você, algumas coisas podem parecer impossíveis.

Hoje, você vai conhecer a história do Zach, Skimboarder do Havaí que não se deixou abalar por uma mal formação dos braços e é um exemplo de superação:

Meu nome é Zach Platt, e eu tenho 32 anos.

Minha mãe teve uma gripe quando eu estava na barriga dela, o que me fez nascer com os braços mal formados e para baixo. Quando eu era neném, os médicos fizeram uma cirurgia em que quebraram meus braços para que eu pudesse me alimentar sozinho.

Sonhando.

Sonhando. Foto: Arquivo pessoal.

a

Com 13 anos, conheci o Skimboard. Um amigo tinha uma prancha de madeira e eu percebi que podia empurrar a prancha com meu pé, correr e pular em cima dela. Eu fiquei viciado !

Implorei para meu pai me dar uma prancha e ele disse que não … Até que o natal chegou e lá estava meu skimboard de fibra de vidro ! Fiquei muito animado, dando shove-its no tapete de casa, haha !!

Eufórico, no mar. Foto: Arquivo pessoal.

Eufórico, no mar. Foto: Arquivo pessoal.

a

Descrever o que eu sinto quando estou andando de skim não é fácil, mas eu fico amarradão, eufórico ! Eu amo o sentimento de viver no momento, o oceano fica em movimento, então não dá tempo de se estressar pensando nas contas, ou em estar solteiro, ou em outros problemas. Eu só penso em mandar aéreos grandes e pegar tubos com os amigos. Daí é só tomar um banho e repetir no dia seguinte …

Uma bela rasgada. Foto: Kickinsurf.com

Uma bela rasgada. Foto: Kickinsurf

a

Tenho muito orgulho de ser Skimboarder, isso faz as pessoas me verem de uma forma diferente de “aquele cara deficiente físico”. Ontem mesmo, um cara me viu skimando na praia e disse para o resto da sua família que eu era o melhor cara que ele já viu “deslizando na areia”. Eu ri e agradeci :).

Zach no pódio do Vic. Foto: Arquivo pessoal.

Zach no pódio do Vic. Foto: Arquivo pessoal.

a

Meu maior sonho é ser campeão no Vic (um dos maiores campeonatos de Skimboard do mundo) na minha categoria, nos amadores. Eu sei que eu não posso ganhar do Austin Keen ou do Sam Stinnett. Haha !

Os locais de Maui, Havaí, que skimam comigo são o Brandyn Benson, Daniel Pardini, Jack Klingman, Keith Fowler, Sean Mcclanahan e mais alguns. Queria dizer obrigado ao Bill Bryan por vir aqui há um tempo atrás e mostrar pra gente seu skim de alto nível. (Risos)

Competindo com muito comprometimento. Foto: Kickinsurf

Competindo com muito comprometimento. Foto: Kickinsurf

a

Minha mensagem para todos é: Não deixe “eu não consigo” ser parte da sua vida. Vai e corre atrás do seu sonho, não importa se parece impossível, continue tentando ! Eu ainda acredito que estou perto de completar manobras que são “impossíveis” o tempo todo, então vai lá e tenta que um dia você consegue !

Zach se divertindo e puxando seus limites em 2011. Imagina o nível do cara hoje !

E VÃO ANDAR DE SKIMBOARD, GALERA !!!

a

Agradecemos ao Zach por compartilhar sua história inspiradora com a gente !

O que achou da história dele ? Deixe abaixo seu comentário 🙂